domingo, abril 24, 2011

Casamentos forçados só nas novelas



Anda uma quantidade de gente importante a dizer que é imprescindível um entendimento entre os maiores partidos para, uma vez suspensa a paranóia clubista, se poder cuidar dos graves problemas do país. A ideia parece fazer sentido e é capaz de ter a concordância da maioria dos cidadãos.
Mas convém não esquecer que o casamento forçado entre dois dirigentes que não se respeitam, nem confiam um no outro, é desastre garantido.
Por isso, quem tiver força e engenho, deve dizer ao PS e ao PSD que substituam os seus líderes por um par que cultive uma relação civilizada de confiança, sem heresias nem tabus, apesar das naturais diferenças de opinião.

..

2 comentários:

Rogério Pereira disse...

"Por isso, quem tiver força e engenho, deve dizer ao PS e ao PSD que substituam os seus líderes por um par que cultive uma relação civilizada de confiança, sem heresias nem tabus, apesar das naturais diferenças de opinião."

Boa!

Nunca me tinha lembrado disto...

J Eduardo Brissos disse...

Se é para nos lixarem quanto menos se entenderem melhor