terça-feira, fevereiro 02, 2010

Invictus

.



Uma grande lição do mestre Clint Eastwood. Desta vez não foi preciso inventar um grande homem pois ele já existia e chama-se Mandela (maravilhosamente replicado por Morgan Freeman).
Quem não se comover várias vezes durante este filme deverá estar socialmente morto.

.

3 comentários:

Rogério Pereira disse...

Infelizmente, meu caro há muita gente socialmente morto mas politicamente vivo, muito vivo!

Rogério Pereira disse...

A virgula, lá atrás, está fora do sitio. Mas pior, a tal gente a que me referi também está (e ninguém corrige).

Catarina Fernandes disse...

Exelente =)