domingo, outubro 06, 2013

O infantário da política

.





É simplesmente vergonhoso que num país como Portugal, mergulhado numa crise gravíssima, os políticos e os comentadores passem a vida em jogos florais que, para o povo, são totalmente irrelevantes.
Durante meses e anos sucedem-se os escândalos semânticos, primeiro com o Relvas, depois, com o fulano dos swaps, em seguida com a Maria Luís e agora está na berlinda o Machete, por causa de uma entrevista.
Grande barulheira de manhã à noite, demite não demite, e depois em qualquer caso passa-se ao alvo seguinte.
Isto, visto de fora, soa a inconsciência ou doideira. Como se alguém que precisasse de subir uma ladeira se entretivesse a atirar cascas de banana.
Visto de dentro, dá uma vontade do caraças às pessoas de se absterem como ainda recentemente fizerem quase 50% dos portugueses.


.

3 comentários:

Rogério Pereira disse...

Só a Ponte-a-pé!

F. Penim Redondo disse...

Vai haver mais uma corrida ?

Luis disse...

O R. Machete está na berlinda por causa de quê ?
Esquecimento do BPN ,Criticar a Justiça portuguesa em Angola,acham pouco ?
Isto é que vai uma crise ,anh..